Other Idioms

sábado, 4 de janeiro de 2014

FÉRIAS DA PORNOGRAFIA

                
                 Às vezes me pergunto: será que não é preciso dar umas férias ao meu vício? Ficar um pouco distante dele? Com certeza quem está lendo pode pensar: “Isto é obvio, mas estamos aqui justamente porque não conseguimos ficar longe da pornografia!!!”. E é justamente neste ponto que quero me ater: “Estamos aqui porque não conseguimos ficar longe da pornografia”.
                
                 Bom, realmente o pensamento de que não conseguimos ficar longe da pornografia é corretíssimo, pois caso contrário, não seriamos viciados. Mas será que é somente do vídeo, foto, contos, etc., que não conseguimos ficar longe? Ou, não conseguimos ficar longe do assunto pornografia? Hum, como é bom ser questionado, só assim conseguimos refletir mais... 
                
                 Eu quando criei esse blog, criei já sabendo que seria “condenado” a ficar batendo na mesma tecla sempre que eu o atualizasse, e também quando alguém mante-se contato comigo sobre esse mal. Quanto a mim, tudo bem, vou ter que ficar longe da pornografia, mesmo ficando perto do assunto pornografia, nossa que paradoxo!
                
                 E quanto a você querido amigo? Você que quer ficar longe dos vídeos, fotos, contos ou até prostituição, você fica longe do assunto pornografia? Ou fica pesquisando, mais e mais, sobre esse assunto? Você fica entrando direto neste blog para ver novas postagens? Se sim, lá vai outra pergunta: Você já caiu em tentação logo após ler sobre esse vício em pornografia?
                
                 Antes de continuar a escrever sobre o assunto, gostaria de abrir um parênteses: Houve certo comentário no meu blog que foi muito lucido, dizendo: “cada caso é um caso”. Por isso, me preocupo muito em não dar “receitas” por aqui, porque a receita lembra sempre um procedimento que leva a cura, mas infelizmente eu e ninguém tem este procedimento, o que há aqui neste blog: são métodos e textos para refletirmos juntos sobre o assunto. Que podem funcionar para uns e para outros não, fecha parênteses.
                
                 Voltando ao assunto, se você fica lendo por aqui e por ai sobre pornografia, será que não seria bom dar um tempo? Umas férias, a este tipo de assunto, tente ficar longe do perigo. De férias para o seu vício: não acesse este blog ou outro blog sobre pornografia, não assista programas ou novelas que tenham cunho sexual. Pois o assunto pornografia lembra os vídeos, as fotos, os contos que tanto gostamos, alguns programas de TV ou sites de internet lembram sexo, e infelizmente devemos fugir do assunto sexo por enquanto. Então, seria interessante, fugir um pouco, da internet e da televisão. Será que é possível? Esta pergunta quem responde é você.
                
                 De um tempo, vamos ver o resultado, agora se cair volte por aqui logo após a recaída, afim de renovar suas forças para o próxima batalha. E depois de um tempo novamente, quem sabe através deste processo não temos algum sucesso? Lembrando, que este texto, ou este blog não tem a receita do seu sucesso, há apenas uma pessoa que pode ajudar no seu sucesso: você! Há também um Deus que também está aqui para o seu auxilio, basta crer.

Fiquem com Deus!

14 comentários:

  1. Excelente ideia. Acho que a descoberta de que somos viciados em pornografia nos faz querer ler muito sobre o assunto, o que eventualmente pode nos fazer recair. Eu não sei se faz ou não, mas e plausível que ler sobre o assunto nos faça recair. É uma questão de fazer o teste.

    ResponderExcluir
  2. Penso em criar um blog, semelhante o seu, para escrever sobre meu vício. Para mim ler ajuda a me afastar, principalmente quando vejo comentários muito semelhantes à minha situação. Acredito que escrever irá no mesmo caminho, toda vez que pensar em acessar pornografia no computador me obrigarei a escrever primeiro. Como citado acima, tenho que fazer o teste. Mas por outro lado estou tranqüilho, quase não tenho acessado pornografia, minha preocupação é zerar os acessos e depois não recair.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que ótimo amigo, se isso irá te ajudar,.vá em frente se ajude e ajude aos outros. Força!

      Juntos na luta!!!

      Excluir
  3. OI. eu tenho esse problema que me atormenta desde que adquiri um notbook e uma internet rápida em 2007 até hoje. Moro sozinho e fica dificil evitar a pornografia, principalmente antes de ir dormir. Eu achava que arranjando uma namorada isso iria sumir. Sumiu mas está voltando aos poucos e quando volta parece um furacão querendo se vingar. parece que sou dominado por outro ser.
    O pior de tudo é que eu sou viciado em pornografia gay. E eu não sou gay. Quando acabo de me satisfazer, sinto nojo de tudo. Na vida real não consigo sentir nada por homem nenhum, nem quero. Faço tratamento psiquiatrico por outros problemas que tenho, inclusive este. Quando "sou dominado por outro ser" tento fazer sexo oral comigo mesmo, isso machuca e força a coluna. Ja tenho protusão discal - começo de hérnia- devido a esses atos; introduzo qualquer objeto parecido com pênis em mim. É um verdadeiro terror. Qando acaba, choro muito com nojo e tristeza. Por favor alguém pode me ajudar, nem que seja com um comentário.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo, que bom que vc tem consCiência deste mal, pode parecer pouco, mas muitas pessoas se afundam neste vício, mas não vêem nada de errado. Fico feliz em saber que isto não é o seuMeu caso, parabéns.
      Meu amigo não se desespere, ver pornografia homossexual é muito "comum" entre os viciados em pornografia, como vc mesmo disse vc não é homosexual, apenas não tem limites para sentir prazer como todo viciado.
      Não sinta-se sujo, vc é muito especial só precisa de forças para lutar, como todos nós.

      Vc me encorajou a escrever sobre a hetero vendo porno homo, obrigado e conte comigo.

      Excluir
  4. Esse blog é muito bom, vou coloca-lo como referencia no meu.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom contar com você amiga.

      Fique com Deus!

      Excluir
  5. Quem ai tem disfunção eretil por causa da pornografia? eu to em um nivel q nem pornografia me deixa mais excitado, to conseguindo controlar bem em nao olhar pornografia mas ta foda voltar a ter ereções, realmente to d saco cheio d porno, a alguns meses atraz quando ficava em casa passava o dia todo vendo e demorava horas pra dar uma gozada pq ficava muito tempo procurando um video q me fizesse sentir algo, nao aguentava mais ver aqueles videos mas msm assim contiuava, esse vicio é maldito d+.

    eu daria tudo pra voltar a ter a libido q eu tinha antes, realmente eu arrebentei o sistema d recompensa do meu cerebro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo, chega uma hora que já vimos te tudo no campo do prazer momentâneo. Fico pensando que nós homens viciados devamos encarar o sexo, não como ato de prazer, mas como um ato de amor. Sei que você terá tudo que deseja de volta amigo, lute!!!

      juntos na luta!!!

      Excluir
  6. o q vcs acham d fazer um chat sobre esse assunto? tem uns chats q nem esse http://us12.chatzy.com/64935011204214 q vc bota um assunto e cria o chat

    ResponderExcluir
  7. Olá, tenho enfrentado esse problema desde os 10 ou 11 anos. Hoje com 20 anos continuo lutando todos os dias. Ler estes textos me ajudaram nesse momento.

    É confortante ouvir outras pessoas que passam por isso. Pais, amigos e até cônjuge, infelizmente, não conseguem entender esta luta. Todos acham que somos sem-vergonha, mal caráter, pervertidos.

    O fato é que isso foi uma verdade, até afetar o cérebro (http://www.youtube.com/watch?v=AWoZUEIGK4w). Mas não conseguem nos ajudar. Minha esposa fica brava, fica sem falar comigo durante dias ... Tem sido difícil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é fácil amigo, mas estamos aqui para lutar e se ajudar.
      Não deixe a pornograFia tirar seu conforto de viver, devemos separar as coisas.


      Muito sucesso nesta luta!

      Excluir
  8. GoGo pessoal jogos on-line vai ajudar sao BEM mas viciantes e divertidos e interagimos com um monte de desconhecidos

    ResponderExcluir